sexta-feira, 30 de janeiro de 2015

Web Analytics: a Taxa de Rejeição assusta você?

Uma das grandes tarefas em estratégia digital está em coletar dados e analisá-las. Como ferramenta de apoio para esta função, usamos alguma plataforma para esse fim.

Uma das mais famosas no mercado (talvez a mais) é o Google Analytics. Uma ferramenta poderosa (e gratuita!!) que, integrada a outras ferramentas Google, é capaz de nos apresentar dados incríveis de acesso ao site que queremos monitorar.

Entre esses dados estão: número de acessos, percentual de novos visitantes no período, número de visualizações de página, tempo médio de permanência dos usuários no site, páginas mais visitadas, regiões que geram mais acessos, formas como o usuário acessou o site (origem), entre tantos outros categorizados de três formas: métricas, segmentos e dimensões.

Porém, ao longo da nossa jornada como analistas, percebemos que a Taxa de Rejeição é a métrica mais assustadora e, talvez, a menos compreendida por quem faz a leitura desses relatórios de acesso.