terça-feira, 13 de maio de 2014

Facebook: prepare sua marca para novas experiências

Oculus Rift - Facebook: prepare sua marca para novas experiências
Esta é sua última chance. Depois, não há como voltar. Se tomar a pílula azul, a história acaba e você acordará na sua cama acreditando no que quiser acreditar. Se tomar a pílula vermelha, ficará no País das Maravilhas e eu te mostrarei até onde vai a toca do coelho.”

Este é o discurso clássico de Morpheus, no primeiro filme da trilogia The Matrix (1999), explicando a Neo que o mundo no qual vive não é o real e verdadeiro, mas um mundo virtual controlado por máquinas que induz o cérebro humano a acreditar que está nele. Quantos já não se perguntaram se de fato há a possibilidade de estarmos inseridos nesse mundo fantástico?... ou, pelo menos, tiveram a curiosidade de como seria tomar a pílula vermelha e viver uma aventura sem limites como no filme?

segunda-feira, 14 de abril de 2014

O poder do #Instagram para as empresas

Pensa-se nas redes sociais como algo novo, moderno, oriundo da evolução tecnológica e da nova forma de relacionamento interpessoal. Mas a história e a antropologia nos mostram que o ser humano cria redes sociais desde o início de sua existência. Povos, tribos, famílias e grupos têm sido definidos e caracterizados por semelhanças e afinidades de comportamentos, usos, costumes, línguas e linguagens.

E a forma mais primitiva de se registrar eventos, fatos e histórias, encontram-se impressos em paredes, cavernas e blocos de pedras, onde a comunicação e tentativa de perpetuação da vida contada se dava por desenhos e pinturas, antes mesmo da existência da escrita em forma gráfica.

A evolução humana vem, ao longo do tempo, delimitando e determinando a forma como os grupos se relacionam e se comunicam. Assim, também, a evolução tecnológica estabelece novos paradigmas de relacionamento na medida em que o comportamento humano compreende que a informatização e a globalização da informação passa a se concentrar em um meio comum: a internet.

Por isso, afirmo: rede social não é novidade; rede social não é modismo; rede social é comportamento. Novidades são as plataformas digitais que têm sido criadas para suprir essa demanda exigida pela velocidade da informação e pela característica das gerações que se seguem. E das duas características fundamentais que destacamos na história da existência do ser humano (relacionamento e comunicação visual), hoje, no auge da presença das plataformas de redes sociais, nenhuma supre tão bem, de forma simples e direta, quanto o Instagram.

quinta-feira, 20 de fevereiro de 2014

Facebook compra WhatsApp... precisava?

Na última quarta-feira, dia 19 de fevereiro, a maior plataforma de rede social do mundo, o Facebook, anunciou a sua maior aquisição até o momento: compra do WhatsApp por US$ 16 bilhões.

Surpresa para uns, nem tanto para outros, a manobra radical da rede social ainda divide opiniões. "Uma bomba", como é tratada a notícia pelo Olhar Digital.

Mas todo esse alarde certamente já era de se esperar pelo empresário Mark Zuckerberg, já que estaria entrando no rol das empresas que se aventuram em aquisições onde tudo pode acontecer. A aposta é alta... a expectativa também. Adquirir o WhatsApp, afinal, não passa de uma mera estratégia... cara, sim... mas nada mais do que uma estratégia.